Imprimir um relatório de qualidade de impressão (autoteste FEED)
Imprimir um relatório de qualidade de impressão (autoteste FEED)

Imprimir um relatório de qualidade de impressão (autoteste FEED)

Diferentes tipos de mídia podem exigir diferentes configurações de tonalidade. Use este método simples, porém eficaz, para determinar a tonalidade ideal para imprimir códigos de barras dentro das especificações.
Durante o autoteste FEED, uma série de etiquetas são impressas em diferentes configurações de tonalidade e em duas velocidades de impressão. Os códigos de barras dessas etiquetas podem ter classificação ANSI para mostrar a qualidade de impressão.
Durante esse teste, um conjunto de rótulos é impresso em baixa velocidade e outro conjunto é impresso em alta velocidade. O valor de tonalidade de escuro começa em três configurações abaixo do valor da tonalidade atual da impressora (tonalidade de escuro relativa de –3) e aumenta até que o valor da tonalidade seja três configurações mais alto que o da tonalidade atual (tonalidade de escuro relativa de +3).
Cada etiqueta mostra a tonalidade relativa e a velocidade de impressão.
A velocidade na qual os rótulos são impressos durante esse teste de qualidade de impressão depende da densidade de pontos do cabeçote de impressão.
  • Impressoras de 300 dpi: imprime 7 rótulos a velocidades de impressão de 51 mm/s (2 ips) e 102 mm/s (4 ips)
  • Impressoras de 203 dpi: imprime 7 rótulos a velocidades de impressão de 51 mm/s (2 ips) e 152 mm/s (6 ips)